16 de Agosto de 2011

Em Montparnasse, numa rua demasiado vulgar chamada Antoine Bourdelle, fica este museu com o mesmo nome. Este pintor, que chegou a ser assistente de Rodin tinha aqui a sua casa e o seu estúdio, onde criou esculturas verdadeiramente monumentais, enquanto os seus contemporâneos insistiam nas 'miniaturas'... Por fora o jardim não deixa ninguém indiferente, ainda assim, nada faz crer que dentro deste 'armazém' em tijolo, existam salas que consigam suportar estas esculturas pseudo-clássicas de grandes dimensões, muito menos um belíssimo jardim nas trazeiras com obras suas escondidas entre as copas das árvores, um mimo este museu...

 

 

  

 

 

Quando Bourdelle morreu, em 1929, este grande espaço foi transformado num museu que abriga actualmente 900 esculturas, e vai apresentando inúmeros aspectos da sua vida. Ao contrário de muitos outros museus, em que o edifício se verga às peças de arte, aqui as esculturas estão dispostas de forma um pouco coloquial por todos os espaços, sendo fácil que alguém tropece nelas. Muitas das salas ainda mantêm o aspecto original, e os jardins podiam ser duma qualquer casinha portuguesa, mas aqui são as gigantescas esculturas a fazer a diferença. Idílico...

 

  

 

 

publicado por Nuno às 21:42

Estudantes do Institut Français d'Urbanisme
Procurar coisas:
 
Agosto 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
15
18
19
20

21
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Temperaturas por estes lados:
Weather in Paris
blogs SAPO